Filho que matou o próprio pai em 2007 é assassinado pelo irmão em Brejo da Madre de Deus

Acusado de matar o irmão/Fotos: Divulgação.
No final da tarde desta quarta-feira (06), a Polícia Militar do 24º BPM apresentou na delegacia de Brejo da Madre de Deus, a pessoa de José Carlos Alves Ferreira, de 32 anos, o qual confessou ter matado o próprio irmão, Heleno Alves Ferreira, de 37 anos, a pauladas e enterrado o corpo no Sítio Biturizinho, zona rural do município acima citado, há aproximadamente 15 dias.
De imediato, o delegado titular do município, Anderson Liberato, se deslocou juntamente com sua equipe e a Polícia Militar, se deslocaram com o envolvido para o local do crime, onde foi acionado o IC (Instituto de Criminalística) de Caruaru, para realizar a perícia no local e ratificaram a ocorrência delituosa, reunindo todos os elementos de materialidade para a configuração do crime de homicídio e ocultação de cadáver.
Conforme o autuado, confesso da prática dos crimes, afirmou que sua conduta foi pautada na legítima defesa, fato este que deve ser levado em consideração tendo em conta o perfil criminógeno da vítima, a qual foi responsável pelo homicídio do próprio genitor Aniceto Ferreira Filho, no dia 23/06/2007. Heleno, além de ter assassinado o pai, também assassinou as pessoas de Bernardo Ricardo do Nascimento, no dia 18/08/2004, na cidade de Brejo da Madre de Deus, e Laudivan Cordeiro da Silva, no dia 07/02/2010, na cidade de Pesqueira.
A vítima Heleno, que foi assassinado pelo irmão.
De acordo com a análise da conduta social da vítima, notou-se que desde quando foi solto da unidade prisional, ameaçava José Carlos, e outros membros da família em razão de tê-lo denunciado à polícia, quando praticou o crime homicídio que teve como vítima o próprio pai.

Diante dos fatos, o envolvido foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil de Brejo da Madre de Deus, onde foram realizados os procedimentos de prisão em flagrante pelo crime de ocultação de cadáver. Já que o homicídio ocorreu a aproximadamente 15 dias. O envolvido ainda relatou que teve a participação de um sobrinho.

Do: Blog Santa Cruz Mais

Nenhum comentário: